Seguidores

quarta-feira, 27 de julho de 2016

DEEP PURPLE - LIVE IN LONG BEACH 1976



                 Se tem uma banda que os fãs não podem se queixar por falta de material ao vivo, essa banda é o DEEP PURPLE. Seja da época que for, o grupo sempre dá um jeito de soltar algum show, e na maioria das vezes (grande maioria), o trabalho apresentado é de extrema qualidade. E isso não é muito difícil, basta analisarmos os músicos que já integraram esse grande patrimônio do rock/heavy metal mundial. Aqui, a história não é diferente. Integrando a série The Official Deep Purple (Overseas) Live Series, temos LIVE IN LONG BEACH 1976, que sai por aqui através de mais uma bela iniciativa da Shinigami Records. Trazendo uma grande performance do MK IV, o cd duplo é indispensável aos fãs tanto da banda, quanto aos apreciadores da música de qualidade.

                  David Coverdale (vocal), Tommy Bolin (guitarra), Glenn Hughes (baixo), Jon Lord (teclados) e Ian Paice (bateria) á época divulgavam Come Taste the Band, de 1975 (um dos grandes álbuns do grupo, na opinião deste que vos escreve). O show foi gravado, como o próprio nome entrega, na Long Beach Arena, na Califórnia no dia 27 de fevereiro de 1976. O trabalho foi remasterizado por Nick Watson e ficou excelente. Além disso, o cd vem com uma bela arte gráfica, recheada de informações e belas fotos do grupo.

                  Falar da qualidade dos músicos é "chover" no molhado, mas não há como destacar o grande talento de Tommy Bolin. O músico que infelizmente, nos deixou muito cedo, era dono de uma técnica invejável, além de ter muita personalidade. Afinal, ele estava substituindo um dos maiores guitarristas da história, e tocava como se sempre tivesse sido o guitarrista da banda. Coverdale esbanjava categoria e recebia de Glenn Hughes um "complemento" que fazia com que as músicas se tornassem ainda mais especiais. E a dupla Lord/Paice... já eram referência há 40 anos atrás. Não precisa dizer mais nada, não é mesmo? Músicas como Burn, Lady Luck, Getting Tigher, Love Child, Lazy (com mais de 20 minutos de duração aqui),Smoke on the Water, Stormbringer e Highway Star mostram o poderio do quinteto. Se por um lado as músicas "novas" reproduziam aquilo que o grupo fez no estúdio, as canções "antigas" ganharam "cara nova", seja pelos vocais de Coverdale/Hughes, seja pela guitarra de Bolin. Como era de praxe, a maioria das músicas acabava excedendo seu tempo normal, devido ás improvisações perpetradas pela banda.

                  O cd traz ainda três faixas gravadas em Springfield, em janeiro do mesmo ano e entre elas temos Going Down, que não consta no show de Long Beach. Além de ser um resgate histórico, esse LIVE IN LONG BEACH 1976, traz uma das melhores formações do grupo em uma apresentação praticamente perfeita. Imperdível.


                Sergiomar Menezes

Nenhum comentário:

Postar um comentário